Vida Sana

10 de dez. de 2019

CASSINO por Maurício Dollenz


CASSINO
por Maurício Dollenz


Quinta-feira, 23 de Janeiro de 2020, às 21h




Foto: Rhariclea Georgopoulos
Arte: Genneral Stúdios
Maurício Dollenz é um chileno nascido na Argentina, conhecido por unir a mágica e a comédia. Trabalhou durante anos em cruzeiros ao redor do mundo e, nos últimos 10 anos, mora em São Paulo e faz shows em todo o Brasil.

Coleciona diversas apresentações em teatros e comedy clubs pelo país, além de ter sido destaque como atração internacional do Domingão do Faustão e entrevistado, por duas vezes, no programa The Noite com Danilo Gentili.

No dia 23 de janeiro de 2020, às 21h, Mauricio Dollenz apresenta o espetáculo Cassino no Paris 6 Burlesque. Os ingressos custam R$70 (couvert artístico) e estão disponíveis pelo link https://bileto.sympla.com.br/event/63532/d/77259.

Neste show, Mauricio vai mostrar tudo que acontece dentro de um cassino. Será uma noite surpreendente com trapaças, cartomagia, comédia e truques utilizando objetos do cotidiano.

Cassinos podem ser conhecidos pelos jogos de azar, mas neste caso será uma experiência extraordinária e divertida onde você só tem a ganhar.





Serviço
Abertura da casa 20h
Local: Paris 6 Burlesque Music Hall & Night Bistro - Rua Augusta, 2809 – Jardins, São Paulo 
Ingressos antecipados: no site do Ingresso Rápido, na bilheteria do teatro Procópio Ferreira (terça a domingo, das 14h às 19h) ou no local do show, das 19h às 22h
Classificação: 14 anos acompanhados de pais ou responsáveis legais 
Duração: 70 minutos
Ingressos: https://bileto.sympla.com.br/event/63532/d/77259
Ponto de Venda Sem Taxa de Conveniência: Teatro Procópio Ferreira
Endereço: Rua Augusta, 2823 – Jardins, São Paulo 
Capacidade: 232

ESPETÁCULO NATAL MÁGICO, QUE JÁ É TRADIÇÃO EM SÃO PAULO E PORTO ALEGRE, VOLTA A ESSAS DUAS CIDADES PARA ENCANTAR E DIVERTIR

Crédito: Clara Miloski Dia


MINISTÉRIO DA CIDADANIA APRESENTA

ESPETÁCULO NATAL MÁGICO, QUE JÁ É TRADIÇÃO EM SÃO PAULO E PORTO ALEGRE, VOLTA A ESSAS DUAS CIDADES PARA ENCANTAR E DIVERTIR

Papai Noel se junta a princesas e super-heróis conhecidos de crianças e adultos nessa superprodução musical cheia de sensações e tecnologia

Porto Alegre: dias 23 e 24 de novembro, no Teatro do Bourbon Country
São Paulo: dias 14, 15, 20, 21, 22 e 23 de dezembro, no Teatro Bradesco.


Sucesso de público por onde passa, o espetáculo musical Natal Mágico volta aos palcos a partir de novembro para encantar toda a família unindo personagens conhecidos e amados pelo público a novidades de tirar o fôlego.

Celebrando seu sexto ano consecutivo em cartaz, a versão 2019 da peça traz uma nova dinâmica à história e promete fazer a plateia vivenciar momentos de magia em aventuras hipnotizantes e muitos efeitos especiais.

Dirigido por Billy Bond, Natal Mágico acontece nos dias 23 e 24 de novembro, no Teatro do Bourbon Country, em Porto Alegre; e em 14, 15, 20, 21, 22 e 23 de dezembro, no Teatro Bradesco, em São Paulo.

A realização é de Black & Red Produções, Campo da Produção e Secretaria Especial da Cultura, Ministério da Cidadania, Governo Federal - Pátria Amada Brasil.

Os ingressos custam a partir de R$ 35,00 e estão à venda em uhuu.com e bilheteria dos respectivos teatro. Não perca mais tempo e garanta já o seu lugar nessa incrível viagem. Confira o serviço completo abaixo de cada cidade.

Nesta nova megaprodução, Papai Noel volta para realizar um sonho de Maria, José e Clarinha que, por ventura, acabam lhe mostrando valiosas lições de fraternidade e amor. José e Clarinha solicitam à irmã mais velha, Maria, que os ajudem a escrever uma cartinha ao bom velhinho pedindo que um irmão se interesse e participe pelo universo do outro.

A partir disso, as crianças embarcam em uma grande aventura por meio de histórias clássicas e personagens que ganham vida em uma narrativa mágica com super-heróis que irão lutar para salvar o mundo numa jornada eletrizante. Eles ainda participam do grande baile das princesas e acompanham o caminho dos Três Reis Magos até a manjedoura, assim resgatando o verdadeiro espírito do Natal.

Essa megaprodução do diretor italiano Billy Bond traz aos palcos Bia Jordão (Maria), Davi Okabe (José), Clarinha Jordão (Clarinha) que está em “Amor de Mãe”, próxima novela da Rede Globo, além de um grande elenco. A trama amarra momentos de muita tecnologia e efeitos de tirar o fôlego à grande lição que fica do espetáculo: o Natal deve ser celebrado por toda a família!

Dos mesmos produtores de Peter PanCinderellaO Mágico de OzBranca de NeveAfter de LugeRentLes Miserables e Um Dia na Broadway, Natal Mágico irá surpreender você!

ENREDO
Ao som da Ave Maria, de Bach/Gounod (uma das composições mais famosas e gravadas em latim), um anjo sobrevoa o presépio para anunciar o nascimento do Menino Jesus. Outros seis anjos cantam ao vivo, enquanto floquinhos de neve caem do céu. Em clima mágico, a luz desenha no ar os personagens e ajuda a encantar o espectador.

Sobre uma base musical, os cantos acontecem ao vivo. O espetáculo narra a saída do Papai Noel da Lapônia em um trenó para ir ao encontro de uma família no Brasil. O bom velhinho ainda irá realizar os desejos de todos, os de Maria é conhecer as princesas de suas fábulas favoritas e, os de João, conhecer os super-heróis.

A partir daí, uma série de quadros musicais leva os pequenos ao mundo encantado de Alice, dos super-heróis, da Rainha das Neves, além da misteriosa Fábrica de Brinquedos do Papai Noel e da clássica dança dos Papais Noéis espelhados em um encantador presépio ao vivo.

EFEITOS ESPECIAIS
A montagem conta com figurinos, cenários, máquinas e equipamentos multimídia que ocupam quatro carretas de 40 pés. Além disso, um painel de LED de altíssima definição, igual aos utilizados em grandes centros culturais de Nova York e Londres, é um dos recursos para compor o pano de fundo dessa época mágica e resgatar a esperança do Natal.

O espetáculo também tem projeções em 3D, uso de técnicas de ilusionismo e levitação, e movimentos de cenário controlados por computadores. Dois projetores de última geração mapeiam e recortam desenhos e figuras no ar, criando um efeito mágico.

“Nosso objetivo é dar um upgrade ao espetáculo teatral, mesclar cinema, teatro e show. Acho que o teatro merece essa renovação tecnológica. E é mais uma maneira de interagir com o público, principalmente com as crianças”, completa o diretor Billy Bond.

DEMOCRATIZAÇÃO DE ACESSO À CULTURA
Dentre as ações que visam a inclusão cultural de pessoas em situação de vulnerabilidade social, serão oferecidos ingressos gratuitos e Oficina de Expressão Corporal para escolas públicas, ONGs e projetos sociais. Ao longo da temporada, serão doados 1.708 ingressos, sendo 1.256 em São Paulo e 452 em Porto Alegre.

Duração: 120 min 
Classificação: Livre




Lei Federal de Incentivo à Cultura
Realização: Black & Red Produções, Campo da Produção e Secretaria Especial da Cultura, Ministério da Cidadania, Governo Federal - Pátria Amada Brasil

SÃO PAULO (SP)
Dias 14, 15, 20, 21, 22 e 23 de dezembro
Teatro Bradesco (Rua Palestra Itália, 500 / 3º piso – Bourbon Shopping São Paulo)
www.teatrobradesco.com.br

SESSÕES E HORÁRIOS
Dia Horário
14/12, sábado 16h
15/12, domingo 11h e 16h
20/12, sexta-feira 16h
21/12, sábado 16h
22/12, domingo 11h e 16h
23/12, segunda-feira 16h 

INGRESSOS (1º lote)
Setor Valor Meia-Entrada
Popular * R$ 70,00 R$ 35,00
Frisa 1º andar R$ 80,00 R$ 40,00
Balcão Nobre R$ 80,00 R$ 40,00
Plateia de O a W R$ 120,00 R$ 60,00
Plateia de J a N R$ 140,00 R$ 70,00
Plateia de A a I R$ 160,00 R$ 80,00
Camarote R$ 160,00 R$ 80,00
* todos os setores têm uma cota limitada de ingressos a esse valor e podem ser adquiridos por todos os públicos. Há ainda incidência de meia-entrada;

- 50% de desconto para Clientes Bradesco e guichê exclusivo na bilheteria do Teatro. Desconto limitado a quatro ingressos por sessão para titulares dos cartões de crédito e débito (exceto cartão pessoa jurídica Bradescard). Limitado a quatro ingressos por sessão para o titular e cota de 240 ingressos por sessão; 
- 40% de desconto para cartões Zaffari Card e Bourbon Card, na compra de até dois ingressos por titular. Vendas apenas na bilheteria do Teatro.

** Descontos não cumulativos com meia entrada e outras promoções, limitado até 200 ingressos de cada sessão/espetáculo.
*** Política de venda de ingressos com desconto: as compras poderão ser realizadas nos canais de vendas oficiais físicos, mediante apresentação de documentos que comprovem a condição de beneficiário. Nas compras realizadas pelo site e/ou call center, a comprovação deverá ser feita no ato da retirada do ingresso na bilheteria e no acesso à casa de espetáculo.
**** A lei da meia-entrada mudou: agora o benefício é destinado a 40% dos ingressos disponíveis para venda por apresentação. Veja abaixo quem têm direito a meia-entrada e os tipos de comprovações oficiais em São Paulo:

- IDOSOS (com idade igual ou superior a 60 anos) mediante apresentação de documento de identidade oficial com foto.

- ESTUDANTES mediante apresentação da Carteira de Identificação Estudantil (CIE) nacionalmente padronizada, em modelo único, emitida pela ANPG, UNE, UBES, entidades estaduais e municipais, Diretórios Centrais dos Estudantes, Centros e Diretórios Acadêmicos. Mais informações: www.documentodoestudante.com.br 

- PESSOAS COM DEFICIÊNCIA E ACOMPANHANTES mediante apresentação do cartão de Benefício de Prestação Continuada da Assistência Social da Pessoa com Deficiência ou de documento emitido pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), que ateste a aposentadoria de acordo com os critérios estabelecidos na Lei Complementar nº 142, de 8 de maio de 2013. No momento de apresentação, esses documentos deverão estar acompanhados de documento de identidade oficial com foto.

- JOVENS PERTENCENTES A FAMÍLIAS DE BAIXA RENDA (com idades entre 15 e 29 anos) mediante apresentação da Carteira de Identidade Jovem que será emitida pela Secretaria Nacional de Juventude a partir de 31 de março de 2016, acompanhada de documento de identidade oficial com foto.

- JOVENS COM ATÉ 15 ANOS mediante apresentação de documento de identidade oficial com foto.

- DIRETORES, COORDENADORES PEDAGÓGICOS, SUPERVISORES E TITULARES DE CARGOS DO QUADRO DE APOIO DAS ESCOLAS DAS REDES ESTADUAL E MUNICIPAIS mediante apresentação de carteira funcional emitida pela Secretaria da Educação de São Paulo ou holerite acompanhado de documento oficial com foto.

- PROFESSORES DA REDE PÚBLICA ESTADUAL E DAS REDES MUNICIPAIS DE ENSINO mediante apresentação de carteira funcional emitida pela Secretaria da Educação de São Paulo ou holerite acompanhado de documento oficial com foto.
***** Caso os documentos necessários não sejam apresentados ou não comprovem a condição
do beneficiário no momento da compra e retirada dos ingressos ou acesso ao teatro, será exigido o pagamento do complemento do valor do ingresso.

ATENÇÃO: Não será permitida a entrada após o início do espetáculo.

Capacidade: 1457 pessoas
Acesso para deficientes

Estacionamento:
Isento até 15 minutos
Compras no Zaffari acima de R$ 40,00 = 3h de isenção
Self: Primeiras 2 horas = R$ 12,00
Hora adicional = R$ 2,00
Valet Parking: 1ª hora = R$ 16,00
Hora adicional = R$ 10,00
Motos: Primeiras 2 horas = R$ 10,00
Hora adicional = R$ 2,00

CANAIS DE VENDAS OFICIAIS:
Site: www.uhuu.com
Atendimento: falecom@uhuu.com


Bilheteria Teatro Bradesco: Rua Palestra Itália, 500 / 3º piso – Bourbon Shopping São Paulo Horário de funcionamento: Domingo a Quinta das 12h às 20h, Sexta e Sábado das 12h às 22h.

Casinha do espetáculo "Natal Mágico" abre as festividades do musical homônimo



Crédito: Bianca Tatamiya 


As famílias que passarem em frente ao Teatro Bradesco, no Shopping Bourbon, poderão visitar e tirar fotos com o bom velhinho até 23 de dezembro.

O espetáculo acontece no mesmo teatro dias 14, 15, 20, 21, 22 e 23 de dezembro.

 
Com a chegada do final do ano e com as festividades se aproximando, a magia e o clima natalino aos poucos começam a contagiar as pessoas. E como não poderia deixar de ser, a já tradicional Casinha do espetáculo “Natal Mágico" ficará em frente ao Teatro Bradesco em SP para comemorar o retorno desse musical que emociona a plateia da cidade a anos.

A decoração interna da Casinha é assinada por Marcelo Larea, cenógrafo argentino desse renomado espetáculo, e promete mexer com a fantasia e a emoção de crianças e adultos de todas as idades. A réplica da moradia do bom velhinho foi especialmente construída para que ele possa se hospedar e receber com conforto todas as famílias ao longo de sua estadia no shopping, que vai até dia 23 de dezembro, funcionando de terça a domingo em diversos horários.

Colorida e cheia de detalhes, a Casa do Papai Noel apresentada pela produção do espetáculo tem 12m² e está preparada para receber os visitantes com muitos símbolos natalinos, peças interativas, iluminação cênica e sonorização temática. A casa é composta por uma grande sala de estar, onde o bom velhinho, acompanhado das noelas, recebe o público com carinho e ouve com atenção os mais inusitados e curiosos pedidos.

O ambiente ainda apresenta um aconchegante escritório com lareira em que o Papai Noel lerá as centenas de cartinhas deixadas em um grande mural disposto ao lado da árvore de natal, ornamentada com diversos enfeites e rodeada de presentes.

A iniciativa é promovida pela Black & Red Produções e Opus Promoções. A entrada é gratuita e aberta a crianças e adultos. A Casinha do Papai Noel está localizada em frente ao Teatro Bradesco (ao lado da bilheteria).

Dirigido por Billy Bond, Natal Mágico acontece em 14, 15, 20, 21, 22 e 23 de dezembro, no Teatro Bradesco, em São Paulo. Os ingressos custam a partir de R$ 35,00 e estão à venda em uhuu.com e bilheteria do teatro.


Lei Federal de Incentivo à Cultura
Realização: Black & Red Produções, Campo da Produção e Secretaria Especial da Cultura, Ministério da Cidadania, Governo Federal - Pátria Amada Brasil

SÃO PAULO (SP)
Dias 14, 15, 20, 21, 22 e 23 de dezembro
Teatro Bradesco (Rua Palestra Itália, 500 / 3º piso – Bourbon Shopping São Paulo)
www.teatrobradesco.com.br

SESSÕES E HORÁRIOS
Dia Horário
14/12, sábado 16h
15/12, domingo 11h e 16h
20/12, sexta-feira 16h
21/12, sábado 16h
22/12, domingo 11h e 16h
23/12, segunda-feira 16h 

INGRESSOS (1º lote)
Setor Valor Meia-Entrada
Popular * R$ 70,00 R$ 35,00
Frisa 1º andar R$ 80,00 R$ 40,00
Balcão Nobre R$ 80,00 R$ 40,00
Plateia de O a W R$ 120,00 R$ 60,00
Plateia de J a N R$ 140,00 R$ 70,00
Plateia de A a I R$ 160,00 R$ 80,00
Camarote R$ 160,00 R$ 80,00
* todos os setores têm uma cota limitada de ingressos a esse valor e podem ser adquiridos por todos os públicos. Há ainda incidência de meia-entrada;

- 50% de desconto para Clientes Bradesco e guichê exclusivo na bilheteria do Teatro. Desconto limitado a quatro ingressos por sessão para titulares dos cartões de crédito e débito (exceto cartão pessoa jurídica Bradescard). Limitado a quatro ingressos por sessão para o titular e cota de 240 ingressos por sessão; 
- 40% de desconto para cartões Zaffari Card e Bourbon Card, na compra de até dois ingressos por titular. Vendas apenas na bilheteria do Teatro.

** Descontos não cumulativos com meia entrada e outras promoções, limitado até 200 ingressos de cada sessão/espetáculo.
*** Política de venda de ingressos com desconto: as compras poderão ser realizadas nos canais de vendas oficiais físicos, mediante apresentação de documentos que comprovem a condição de beneficiário. Nas compras realizadas pelo site e/ou call center, a comprovação deverá ser feita no ato da retirada do ingresso na bilheteria e no acesso à casa de espetáculo.
**** A lei da meia-entrada mudou: agora o benefício é destinado a 40% dos ingressos disponíveis para venda por apresentação. Veja abaixo quem têm direito a meia-entrada e os tipos de comprovações oficiais em São Paulo:

- IDOSOS (com idade igual ou superior a 60 anos) mediante apresentação de documento de identidade oficial com foto.

- ESTUDANTES mediante apresentação da Carteira de Identificação Estudantil (CIE) nacionalmente padronizada, em modelo único, emitida pela ANPG, UNE, UBES, entidades estaduais e municipais, Diretórios Centrais dos Estudantes, Centros e Diretórios Acadêmicos. Mais informações: www.documentodoestudante.com.br 

- PESSOAS COM DEFICIÊNCIA E ACOMPANHANTES mediante apresentação do cartão de Benefício de Prestação Continuada da Assistência Social da Pessoa com Deficiência ou de documento emitido pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), que ateste a aposentadoria de acordo com os critérios estabelecidos na Lei Complementar nº 142, de 8 de maio de 2013. No momento de apresentação, esses documentos deverão estar acompanhados de documento de identidade oficial com foto.

- JOVENS PERTENCENTES A FAMÍLIAS DE BAIXA RENDA (com idades entre 15 e 29 anos) mediante apresentação da Carteira de Identidade Jovem que será emitida pela Secretaria Nacional de Juventude a partir de 31 de março de 2016, acompanhada de documento de identidade oficial com foto.

- JOVENS COM ATÉ 15 ANOS mediante apresentação de documento de identidade oficial com foto.

- DIRETORES, COORDENADORES PEDAGÓGICOS, SUPERVISORES E TITULARES DE CARGOS DO QUADRO DE APOIO DAS ESCOLAS DAS REDES ESTADUAL E MUNICIPAIS mediante apresentação de carteira funcional emitida pela Secretaria da Educação de São Paulo ou holerite acompanhado de documento oficial com foto.

- PROFESSORES DA REDE PÚBLICA ESTADUAL E DAS REDES MUNICIPAIS DE ENSINO mediante apresentação de carteira funcional emitida pela Secretaria da Educação de São Paulo ou holerite acompanhado de documento oficial com foto.
***** Caso os documentos necessários não sejam apresentados ou não comprovem a condição
do beneficiário no momento da compra e retirada dos ingressos ou acesso ao teatro, será exigido o pagamento do complemento do valor do ingresso.

ATENÇÃO: Não será permitida a entrada após o início do espetáculo.

Capacidade: 1457 pessoas
Acesso para deficientes

Estacionamento:
Isento até 15 minutos
Compras no Zaffari acima de R$ 40,00 = 3h de isenção
Self: Primeiras 2 horas = R$ 12,00
Hora adicional = R$ 2,00
Valet Parking: 1ª hora = R$ 16,00
Hora adicional = R$ 10,00
Motos: Primeiras 2 horas = R$ 10,00
Hora adicional = R$ 2,00

CANAIS DE VENDAS OFICIAIS:
Site: www.uhuu.com
Atendimento: falecom@uhuu.com


Bilheteria Teatro Bradesco: Rua Palestra Itália, 500 / 3º piso – Bourbon Shopping São Paulo Horário de funcionamento: Domingo a Quinta das 12h às 20h, Sexta e Sábado das 12h às 22h.

(10 a 14) DANÇA SE MOVE OCUPA - 2ª semana - CRDSP





‘2º Dança se Move Ocupa’ segue no
Centro de Referência da Dança
A segunda semana do evento começa terça, com debate sobre “Arte e censura hoje”, e segue até sábado com 11 trabalhos coreográficos e duas residências artísticas.

    Boi da Cara Preta, de Djalma Moura, um dos trabalhos da segunda semana de apresentações.    (Foto:Erico Santos)




A segunda semana do “Dança se Move Ocupa”, que acontece até o dia 14, no Centro de Referência da Dança, começa na terça, dia 10/12, com o fórum “Arte e censura hoje”, às 19h. O debate é encabeçado pelos artistas da dança e arte-educadoras Cléia Plácido, Deise de Brito e Luciana Bortoletto; o escritor e dramaturgo Dorberto Carvalho, presidente do Sindicato dos Artistas; Elle de Bernardini, artista plástica e bailarina não-binária; a vereadora Juliana Cardoso; Rafael Oliveira, diretor do Núcleo IÊÊ; a diretora teatral e atriz  Regina Galdino; Rudifran Pompeu, presidente da Cooperativa Paulista de Teatro e diretor do Grupo Redimunho de Investigação Teatral, e Sandro Borelli, diretor da Cia Carne Agonizante e presidente da Cooperativa Paulista de Dança.


De 11 a 14, tem sequência a programação de apresentações, com três trabalhos coreográficos por noite, a partir das 19h, seguidos de conversa mediada por um artista convidado: quarta (11/12), tem “Zona”, do coletivo Menos 1Invisível, que propõe uma experiência sobre o uso do tempo,  identidade e território; “Relações Possíveis na Encruzilhada”, pesquisa da Fragmento Urbano, de composição com a cidade e movimentações que transitam entre as danças urbanas e as danças brasileiras; e “Quero sentir toda a realidade que é estar com você”, performance do Coletivo Sobrepor, que traz as possíveis construções de um relacionamento homoafetivo. Ao final, Ana Sharp media a conversa entre os artistas e o público.
“Boi da cara preta”, de Djalma Moura, uma dança que escava estratégias de resistência às normatividades da vida contemporânea, criando fissuras para promover a potencialidade ancestral, é a primeira apresentação de quinta (12/12). Depois vêm “Relation X”, do NIC - Núcleo Improvisação em Contato, em cenas que sugerem a narrativa de conflitos e explorar os limites físicos de situações a que estão sujeitas todas as relações; e “Um primeiro movimento”, experiência que Luciana Beloli/Dança Acontecimento partilha de seu corpo-maternidade. Mediação: Cléia Plácido
No dia 13 (sexta), Estela Lapponi, em “!la assimetria es más rica!”,  faz uso da repetição como estratégia de dilatação de uma ideia que se quer propagar;  na sequência, “Fluidos Dilatantes - Uma metáfora com possibilidades afetivas”, pesquisa de  Alexandre Yudi e Thiago Mor, baseada no estudo dos Fluidos Não-Newtonianos, propõe refletir as nuances de uma relação a dois; e “Filhxs --da-- P°##@ - T O D A”, do Coletivo Calcâneos, que transpõe as dores da periferia delimitadas aos corpos que compõem os altos índices de preconceitos sociais. A mediação da conversa é de Michele Carolina.

Dois espetáculos encerram o Dança se Move Ocupa/2019, no sábado (14/12): “A última mulher do mundo”, investigação cênica do Núcleo Patrícia Noronha, em torno da noção do vazio e do tempo suspenso, onde realidade e ficção se confundem; e “Zona provisória”, reflexão poética de Rubia Braga acerca da percepção do tempo, cuja essência é a transformação constante. Helena Bastos faz a mediação entre os artistas e o público.

Residências artísticas
Duas residências artísticas acontecem nessa segunda semana: de 10 a 13/12, das 10h às 13h, “Pedagogias das danças”, com Ana Sharp e Paula Petreca, oficina teórica e prática dirigida a professores, pesquisadores, estudantes e interessades no tema, que pretende refletir sobre as possibilidades e caminhos de ensino e aprendizagem da dança, e ampliar o olhar para outras perspectivas pedagógicas e de processos de criação; e “Dança e(m) Espaços Urbanos”, de 10 a 14/12, das 14h às 17h, conduzida por uma equipe transdisciplinar composta pelas dançarinas Michele Carolina e Mônica Cristina Bernardes, pelo músico Jovem Palerosi e pela Videomaker Fernanda Ligabue, que propõe, entre outros procedimentos, exercícios em sala de ensaio, intervenções em espaços urbanos, derivas, estudos topológicos e geográficos, estudos sonoros e audiovisuais, leitura de textos e documentos que descrevem e regulam os usos do espaço público.
Todas as atividades têm entrada / participação gratuita.
Links:


Serviço
Dança se Move Ocupa – Espetáculos, Forum de discussões, conversas e residências artísticas
de 3 a 14/12 (terça a sábado), 19h
Centro de Referência da Dança de São Paulo – CRDSP
Baixos do Viaduto do Chá, s/nº - ao lado do Theatro Municipal – próximo às estações
10/12 (terça) – 19h
Fórum “Arte e censura hoje” – Cléia Plácido, Deise de Brito, Dorberto Carvalho, Elle de Bernardini, Juliana Cardoso, Luciana Bortoletto, Rafael Oliveira, Regina Galdino, Rudifran Pompeu e Sandro Borelli.
11/12 (quarta) – 19h
“Zona” – 19h Menos 1Invisível
“Relações Possíveis na Encruzilhada”  Fragmento Urbano
“Quero sentir toda a realidade que é estar com você” – Coletivo Sobrepor
Mediação: Ana Sharp
12/12 (quinta) – 19h
“Boi da cara preta” – Núcleo Djalma Moura
“Relation X” NIC  Núcleo Improvisação em Contato
“Um primeiro movimento” – Luciana Beloli / Dança Acontecimento
Mediação: Cléia Plácido
13/12 (sexta) – 19h
“!la assimetria es más rica!”  Estela Lapponi
“Fluidos Dilatantes - Uma metáfora com possibilidades afetivas” – Alexandre Yudi e Thiago Mor
“Filhxs --da-- P°##@ - T O D A” – Coletivo Calcâneos
Mediação: Michele Carolina
14/12 (sábado) – 19h
“A última mulher do mundo” – Núcleo Patrícia Noronha
“Zona provisória” – Rubia Braga
Mediação: Helena Bastos
Residências artísticas
04 a 6/12 (quarta a sexta) – 14h às 17h
“Olhares da Improvisação na dança” – Cléia Plácido e Ricardo Neves
Inscrições: no dia 03/12, no local da residência (CRDSP), por ordem de chegada |
20 Vagas
10 a 13/12 (terça a sexta) – 10h às 13h
“Pedagogias das danças” – Ana Sharp e Paula Petreca
Inscrições através do link: https://forms.gle/fonzfnQWSbN5ufEP7 | 20 Vagas
10 a 14/12 (terça a sábado) – 14h às 17h
“Dança e(m) Espaços Urbanos” – Fernanda Ligabue, Jovem Palerosi, Michele Carolina e Mônica Cristina Bernardes
Inscrições: no dia 03/12, no local da residência (CRDSP), por ordem de chegada |
30 Vagas


__________________________________________________________________
Programação completa - link: http://online.fliphtml5.com/gqsbm/cpjj/
Dança se Move Ocupa/2019 – segunda semana
de 10 a 14/12 (terça a sábado)
10/12 (terça) – 19h – Fórum “Arte e censura hoje”
Convidados: Cléia Plácido, Deise de Brito, Luciana Bortoletto (bailarinas, artistas-educadoras), Dorberto Carvalho (presidente do Sindicato dos Artistas); Elle de Bernardini (artista plástica e bailarina não-binária), Juliana Cardoso (vereadora), Rafael Oliveira (diretor do Núcleo IÊÊ), Regina Galdino (diretora teatral e atriz), Rudifran Pompeu (Cooperativa Paulista de Teatro e diretor do Grupo Redimunho de Investigação Teatral) e Sandro Borelli (diretor da Cia Carne Agonizante e presidente da Cooperativa Paulista de Dança).
11/12 (quarta) – 19h – apresentações | Mediação: Ana Sharp
“Zona” – Menos 1Invisível
Zona é um lugar de acontecimentos onde materialidades se dispõem e não se sobrepõem, se acoplam e se dissolvem, propondo uma experiência sobre o uso do tempo, território e identidade. Contemplado pelo 25º edital de Fomento a Dança.
Direção geral: Cléia Plácido | Direção artística: Luisa Coser | Performance e criação: Cléia Plácido, Rafael Carrion, Rafael Markhez e Patricia Pina Cruz
“Relações Possíveis na Encruzilhada” – Fragmento Urbano
Tomando a rua enquanto paisagem dramatúrgica, este experimento traz uma pesquisa de composição com a cidade e com movimentações que transitam entre as danças urbanas e as danças brasileiras.
Direção: Douglas Iesus | Corpos em cena: Anelise Mayumi, Douglas Iesus,Tiago Silva e convidadxs
“Quero sentir toda a realidade que é estar com você” – Coletivo Sobrepor
Pensando em como os relacionamentos se constroem e se dão os laços com a simplicidade do afeto, a performance traz visões das realidades num relacionamento homoafetivo, com seus risos, riscos e clichês.
Intérpretes e Dramaturgia: Luan Rodrigues e Luciano Carvalho
12/12 (quinta) – 19h – apresentações | Mediação: Cléia Plácido
“Boi da cara preta” – Núcleo Djalma Moura
Com o entendimento de uma dança que arrebata escava estratégias de resistência às normatividades da vida contemporânea, “Boi da cara preta” cria fissuras entre mundos para promover a potencialidade ancestral.    
Concepção, Direção e Dança: Djalma Moura
“Relation X” – Núcleo Improvisação em Contato – NIC
Em cenas que sugerem uma narrativa de conflitos, através da improvisação cênica exploram-se os limites físicos de certas situações a que estão sujeitas todas as relações.
Direção: Ricardo Neves | Contatistas criadores-intérpretes: Dresler Aguilera, Mariana Tacques, José Andrés, João Gomes, Ryan Lebrão, Ricardo Aparecido Silva e Ricardo Neves
“Um primeiro movimento” – Luciana Beloli / Dança Acontecimento
Uma dança que partilha do corpo-maternidade, após muitos questionamentos, em dois anos e nove meses de danças solitárias ou em parceria com o bebê.
Dançarinos: Luciana Beloli e Aion Beloli Santi
13/12 (sexta) – 19h – apresentações | Mediação: Michele Carolina
“!la assimetria es más rica!” – Estela Lapponi
A repetição como estratégia de dilatação de uma ideia que se quer propagar: a cada vez que a frase ¡La asimetría es mås rica! é dita, ganha-se mais camadas do que isso vem a significar.
Concepção e performance: Estela Lapponi
“Fluidos Dilatantes – Uma metáfora com possibilidades afetivas” – Alexandre Yudi e Thiago Mor  
Baseada no estudo dos Fluidos Não-Newtonianos, o trabalho utiliza as interações afetivas como aliadas da física, propondo uma reflexão sobre as nuances de uma relação a dois.
Performance: Alexandre Yudi e Thiago Mor
“Filhxs --da-- P°##@ - T O D A” – Coletivo Calcâneos
A peça transpõe as dores da periferia delimitadas aos corpos que compõem os altos índices de preconceitos sociais.
Núcleo de Direção Geral: Joelma Souza, Victor Almeida e Vinicius Longuinho | Direção Artística: Victor Almeida | Elenco: Bárbara Oliveira, Joelma Souza, Lucas Pardin, Marina Lima, Richard Pessoa, Thainá Souza e Victor Almeida.
14/12 (sábado) – 19h – apresentações | Mediação: Helena Bastos
“A última mulher do mundo” – Núcleo Patrícia Noronha
Investigação cênica no limiar entre teatro e dança, ficção e realidade,  explora a noção do vazio e do tempo suspenso.
Concepção, dramaturgia e direção: Patrícia Noronha | Elenco: Patrícia Noronha e Nick of Spring
“Zona provisória” – Rubia Braga
A pesquisa situa-se na percepção do tempo enquanto um labirinto que opera conexões de forma não linear, e cuja essência é a transformação constante. 
Criação e dança: Rubia Braga
Residências artísticas:
10 a 13/12 (terça a sexta) – 10h às 13h
“Pedagogias das danças” – Ana Sharp e Paula Petreca
Oficina teórica e prática, que pretende refletir sobre as possibilidades e caminhos de ensino e aprendizagem da dança, e ampliar o olhar para outras perspectivas pedagógicas e de processos de criação
Público-alvo: Professores, pesquisadores, estudantes e interessades no tema
Inscrições através do link: https://forms.gle/fonzfnQWSbN5ufEP7
20 Vagas
10 a 14/12 (terça a sábado) – 14h às 17h
“Dança e(m) Espaços Urbanos” – Fernanda Ligabue, Jovem Palerosi, Michele Carolina e Mônica Cristina Bernardes
Conduzida por uma equipe transdisciplinar composta pelas dançarinas Michele Carolina e Mônica Cristina Bernardes, pelo músico Jovem Palerosi e pela Videomaker Fernanda Ligabue, propõe exercícios em sala de ensaio, intervenções em espaços urbanos, derivas, estudos topológicos, sonoros e audiovisuais, e leitura de textos sobre os usos do espaço público.
Público-alvo: Artistas da dança, música, audiovisual, artes plásticas e literatura.
Inscrições: enviar email para coletivoruinas@gmail.com, com um breve compartilhamento do interesse pelo trabalho a ser desenvolvido durante a residência e a linguagem que deseja focar sua atuação, caso haja.
30 Vagas