Vida Sana

22 de jun de 2018

Chef indica: Risoto de frango e funghi



Para ajudar na tarefa de escolher uma receita simples e muito saborosa, a chef e nutricionista do Comitê Umami, Lisiane Miura, caprichou na dica: risoto de frango e funghi. 
Para a chef, o segredo é apostar em alimentos que conferem o gosto umami, como o funghi e o queijo parmesão. “O funghi, assim como outros tipos de cogumelos, é um ingrediente que traz mais sabor e requinte ao prato, deixando a comida ainda mais umami”, explica Lisiane, referindo-se ao quinto gosto do paladar humano, descoberto em 1908 pelo cientista japonês Kikunae Ikeda. Além de deixar a receita ainda mais saborosa, o umami garante uma série de benefícios à saúde, como o auxílio na digestão de proteínas e a manutenção da higiene bucal. 

Confira o modo de preparo: 
Risoto de Frango e Funghi
Ingredientes
1 xícara (chá) de funghi secchi (20 g)
4 colheres (sopa) de manteiga sem sal
Meia cebola média picada
400 g de filé de frango, cortado em cubos
2 sachês de caldo de galinha em pó
Meia xícara (chá) de vinho branco seco (100 ml)
2 xícaras (chá) de arroz arbóreo cru
1 litro de água fervente
1 e meia xícara (chá) de queijo parmesão ralado fino (140 g)
1 xícara (chá) de tomates-cereja, cortados ao meio 
Dicas:
- O arroz arbóreo, também chamado de arroz italiano, é próprio para o preparo de risotos, já que tem os grãos mais espessos, absorvendo mais líquido durante o cozimento, sem desmanchar.
- Finalizar o preparo do risoto com manteiga gelada deixa a preparação mais cremosa.
- Na hora de escorrer os cogumelos hidratados, retire-os com uma escumadeira. Dessa forma, os resíduos sólidos (como grãos de terra, por exemplo) que costumam se soltar do funghi, ficarão no fundo do recipiente.
- Quer ganhar tempo? Experimente adiantar o preparo do risoto. Inicie o preparo conforme as instruções da receita, tendo o cuidado de retirar do fogo após 10 minutos de cozimento. Espalhe o risoto em uma travessa ou assadeira e deixe esfriar. Para retomar o cozimento, volte o risoto à panela e acrescente uma concha de água quente. Misture e volte a cozinhar, acrescentando mais água quente conforme for secando, até o risoto ficar “al dente”. 
Modo de PreparoEm uma tigela média, coloque o funghi, cubra com água morna e deixe de molho por 1 hora, ou até ficar macio. Escorra, corte em pedaços menores e reserve. Em uma panela média, coloque metade da manteiga (reserve o restante na geladeira) e leve ao fogo alto para derreter. Junte a cebola, o frango e 1 sachê de caldo de galinha, e refogue por 5 minutos, ou até começar a dourar. Acrescente o vinho, o arroz e o caldo de galinha restante, e cozinhe por 2 minutos. Adicione a água, aos poucos, mexendo sempre em fogo médio, por cerca de 20 minutos, ou até que o arroz esteja “al dente”. Retire do fogo, junte a manteiga restante reservada, o queijo ralado, o tomate e o funghi, misture bem e sirva imediatamente. 
UMAMIÉ o quinto gosto básico do paladar humano, descoberto em 1908 pelo cientista japonês Kikunae Ikeda. Foi reconhecido cientificamente no ano 2000, quando pesquisadores da Universidade de Miami constataram a existência de receptores específicos para este gosto nas papilas gustativas. O aminoácido ácido glutâmico e os nucleotídeos inosinato e guanilato são as principais substâncias Umami. As duas principais características do Umami são o aumento da salivação e a continuidade do gosto por alguns minutos após a ingestão do alimento. Para saber mais, acesse www.portalumami.com.br e acompanhe também pelas redes sociais facebook.com/ogostoumami e instagram.com/ogostoumami. 

Nenhum comentário: