Vida Sana

25 de jul de 2019

AMIGOH, do Einstein, e ONELADY criam coleção de lenços em benefício da prevenção do câncer do colo de útero

MIGOH, do Einstein, e ONELADY criam coleção de lenços em benefício da prevenção do câncer do colo de útero
Todo o dinheiro arrecadado será revertido para o Projeto Anariá, que leva prevenção e tratamento do câncer de colo uterino para os sertões e tribos indígenas do Brasil
São Paulo, julho de 2019 – Com cerca de 530 mil novos diagnósticos no mundo e sendo o quarto tipo de câncer mais comum entre mulheres, de acordo com o Instituto Nacional de Câncer (INCA), é notória a necessidade de se discutir o câncer do colo de útero. Pensando nisso a AMIGOH (Amigos da Oncologia e Hematologia Einstein) em parceria com a marca ONELADY lançam uma coleção exclusiva de lenços para angariar fundos para a prevenção da doença.

“Essa iniciativa é uma das muitas maneiras que trabalhamos para dar mais oportunidades para nossas ações de detecção precoce e prevenção de câncer.” conta a presidente da AMIGOH, Ida Sztamfater. Dessa vez, 100% do total arrecadado com as vendas dos lenços será destinado à execução do projeto Anariá, em parceria com a ONG SAS – Saúde, Alegria e Sustentabilidade.

As peças podem ser encontradas no e-commerce da ONELADY na coleção de lenços. São quatro estampas diferentes desenhadas por Liliane Oppermann, médica, escritora e mãe que tem como propósito inspirar outras mulheres a terem uma vida mais saudável e, por meio da Co.criação com a marca e com a AMIGOH, consegue contribuir com a causa.

Serviço


Sobre AMIGOH
A AMIGOH (Amigos Einstein da Oncologia e Hematologia) é parte da Sociedade Beneficente Israelita Brasileira Albert Einstein com a missão de aumentar os índices de cura do câncer e doenças do sangue, bem como melhorar a qualidade de vida desses pacientes. Desde 2012, a AMIGOH já atuou em várias regiões do Brasil em parceria com instituições de referência em oncologia e hematologia. Também teve atuação em Moçambique, em uma parceria com MD Anderson Câncer Center.  Com seus projetos de pesquisa, prevenção, educação e assistência, já impactou mais de 50.000 de pessoas.

Nenhum comentário: